Usuário

Curso de Psicopatologia e Saúde Pública NUPSI/USP
Contato telefones: (11) 5053-4657; 5052-7967 / e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. /

O Curso de Especialização em Psicopatologia e Saúde Pública promovido pelo NUPSI - Núcleo de Psicopatologia, Políticas Públicas de Saúde Mental e Ações Comunicativas em Saúde Pública- USP, tem como objetivos relevantes para o campo da saúde da família, da criança e do adolescente:

I. Oferecer instrumentos teóricos e práticos para a pesquisa, a intervenção e o ensino na área da saúde mental, proporcionando

elementos para a análise interdisciplinar das políticas de saúde mental e respectivas estratégias diagnósticas e terapêuticas.

II. Fundamentar e estabelecer um campo de diálogo entre a psicofarmacologia, a psiquiatria e a psicanálise sobre as formas

de diagnóstico e tratamento do sofrimento psíquico, a partir da história da psicopatologia e da sua contemporaneidade, visando

à compreensão crítica e à intervenção nas estratégias de promoção da saúde mental na esfera pública.

III. Contextualizar historicamente as diretrizes políticas, éticas e técnicas presentes na legislação e na sistemática dos serviços públicos relacionados à saúde mental – SUS (Sistema Único de Saúde), ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) e LRP

(Lei da Reforma Psiquiátrica).

IV. Proporcionar experiências clínico-institucionais em serviços multiprofissionais de saúde mental.

 

Aos aprovados será conferido o título de

Especialista em Psicopatologia e Saúde Pública

 

 

CORPO DOCENTE:

 

 

ALBERTO OLAVO A. REIS, psicólogo e psicanalista;

ANA CECÍLIA MAGTAZ, psicóloga e psicanalista;

ANDRÉ B. NEGRÃO, médico psiquiatra;

CLARICE GORENSTEIN, psicofarmacologista;

CLAUDIO COHEN, psiquiatra e psicanalista;

CLEUSA PAVAN, filósofa, psicanalista e analista institucional;

CRISTIANE STRAVINO MESSAS, fonoaudióloga;

DAVID CALDERONI, psicólogo e psicanalista;

ENRIQUE MANDELBAUM, psicólogo e psicanalista;

FERNANDO SAUERBRONN GOUVEA, psiquiatra e psicoterapeuta;

LEILA CURY TARDIVO, psicóloga e psicanalista;

LUCIANA CHAUÍ DE M. BERLINCK, psicanalista e acompanhante terapêutica;

MARIA ANGELA SANTA CRUZ, psicóloga e psicanalista;

MARIA LÚCIA DE M. B. CALDERONI, psicóloga e psicanalista;

MAURÍCIO DE C. PORTO, psicólogo e psicanalista;

PEDRO COLLI, psiquiatra e psicanalista;

RENATA UDLER CROMBERG, filósofa, psicóloga e psicanalista;

RICARDO ABRANTES DO AMARAL, médico psiquiatra;

THEREZINHA G. DE SOUZA DIAS, psicóloga e psicanalista.

 

ESTRUTURA CURRICULAR C

URRICULARE

INFORM

1. Introdução à História da Psicopatologia

2. Semiologia e Psicopatologia Psiquiátrica

3. Psicopatologia Psicanalítica da Criança

4. Introdução à Psicofarmacologia

5. Psicopatologia e Técnica Psicanalítica I – o conceito

de inconsciente, pilar da teoria psicanalítica

6. Introdução à Psicopatologia Pré e Peri-Natal

7. A Ética na Saúde Mental

8. Psicanálise e Saúde Pública

9. A Psicopatologia Fundamental diante dos Transtornos Alimentares

10. Genética em Psiquiatria

11. Experiências e Reflexões em Serviços de Saúde Mental

12. Políticas Públicas de Saúde Mental: Uma Abordagem Histórico-Crítica

13. Psicopatologia e Técnica Psicanalítica II – a sexualidade e a pulsão

como pilares da teoria psicanalítica

14. Psicopatologia Fenômeno- Estrutural

15. Clínica na Rede - Práticas e Impasses do Pensamento Clínico na Rede

de Saúde Mental Pública

16. Propostas Atuais para o Tratamento das Psicoses

17. Espinosa contra Aristóteles: Ciência do Singular e Ciência do Universal

na Psicopatologia do Autismo e da Psicose Infantil

18. Drogas, AIDS e a Clínica Psiquiátrica

19. Linguagem e Psicopatologia

20. Melancolia e Depressão

 

 

ATIVIDADES EXTENSIVAS ( ao longo de todo o curso )

 

21.Colóquios nacionais ou internacionais a cada semestre (de sexta-feira a

domingo) com temas multidisciplinares concernentes à Psicopatologia e

à Saúde Pública em sua relação com questões contemporâneas da cultura

referentes à Psicanálise, à Psicofarmacologia, à Psiquiatria, à Economia

Solidária, à Educação Democrática, à Justiça Restaurativa, à Renda

Básica e demais movimentos acadêmicos e sociais que se reconhecem

como invenções democráticas ligadas à dimensão social da saúde.

22. Atividades Programadas Individuais, Pesquisa, Elaboração e

Defesa de Monografia.

 

INFORMAÇÕES GERAIS

 

 

DURAÇÃO E CARGA HORÁRIA

2 anos – 725 horas/aula

DIAS DAS AULAS

2ªs e 5ªs feiras, das 19h às 22h30

SEMINÁRIOS E CONFERÊNCIAS

Colóquios duas vezes por ano (sexta-feira,

sábado e domingo)

OBSERVAÇÃO

Os dias e horários relativos à disciplina 11

serão informados na entrevista.

PRÉ-REQUISITO

Graduação em curso superior reconhecido pelo

Conselho Nacional de Educação.

PÚBLICO-ALVO

Médicos, psicólogos, pedagogos, assistentes

sociais, terapeutas ocupacionais, enfermeiros,

advogados, gestores do SUS, trabalhadores da

rede pública e outros profissionais da saúde, da

 

justiça e da educação ligados à saúde mental.

Local Faculdade de Saúde Pública da USP
www.psicopatologia.psc.br

DIVULGAÇÃO GRATUITA